86 3131-1300
Teresina, 25 de Junho de 2017
 
Publicada Quarta-Feira, 19/04/2017
Lula: 'Reformas de Temer são bomba atômica na cabeça dos trabalhadores'

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva criticou na segunda-feira (18) as propostas de reforma trabalhista e da Previdência defendidas pelo governo Temer.

"O que eles estão fazendo não é reforma, é um processo de demolição. Estão desmontando as conquistas que tivemos desde o começo do século passado e toda a estrutura da CLT. Estão desmontando a ideia dos sindicatos serem os únicos e legítimos representantes dos trabalhadores em uma negociação. Querem acabar com a Previdência Social. No fundo, no fundo, estão desmontando os empregos dos trabalhadores."

As declarações foram dadas depois que Lula votou nas eleições do segundo turno do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. Para o ex-presidente, as reformas de Temer podem ser comparadas a uma bomba atômica.

"Se quisesse fazer comparação com algo mais grave, diria que o governo, com as suas reformas, está parecendo que está jogando uma bomba atômica em cima da cabeça de milhões e milhões de trabalhadores", ressaltou Lula, que lembrou que as conquistas trabalhistas foram frutos de muita luta. "Nenhuma conquista dos trabalhadores foi de graça. Nenhuma."

Lula também comparou as consequências das reformas trabalhista e da Previdência como uma nova forma de escravidão e apelou para a mobilização. "Não é possível que as pessoas não tenham lido nenhum livro de história e não aprenderam que a escravidão acabou. É preciso alguém gritar contra a insanidade de destruir esse país, que é muito grande para ser destruído da forma que está sendo destruído."

Por fim, Lula também criticou as iniciativas privatizantes do governo Temer, que vem realizando a venda de ativos da Petrobras, e apontando para a privatização dos Correios, por exemplo. "Ninguém precisa de um presidente para vender o Brasil. Ninguém precisa de um presidente para vender as empresas, vender os bancos, vender as rua, os postes. Não precisamos. Queremos alguém que venha constituir, que venha fazer algo novo, que venha gerar emprego,  gerar salário, gerar renda e melhoria da qualidade de vida."

Fonte: RedeBrasilAtual



 
Centro de Apoio a mulher comerciaria
CONTRACS
Contribuição Sindical
Contribuicao Social e Federativa
Convencoes
CUT BRASIL
CUT PIAUÍ
MST
Portaria
Sindeconpi
 
lista
23.06.2017 Direção da CUT reforça greve do dia 30 contra reformas de Temer
23.06.2017 Meirelles admite que governo quer reter FGTS para economizar seguro-desemprego
23.06.2017 “O trabalho informal acaba não sendo uma questão de escolha”, diz advogado
20.06.2017 Caixa suspende financiamento imobiliário com recursos do FGTS
20.06.2017 CUT, demais centrais e movimentos sociais derrotam Temer
19.06.2017 Trabalhadores têm até 30 de junho para sacar o abono salarial de 2015
19.06.2017 Aberta as inscrições para o XXV campeonato de futebol da categoria comerciária.
14.06.2017 TRT suspende greve no comércio de Teresina até o dia 20 de junho
14.06.2017 Comissão de Trabalho aprova seguro de vida para motoboys
12.06.2017 Brasil registra aumento de trabalho infantil entre crianças de 5 a 9 anos
09.06.2017 Greve no comércio de Teresina inicia dia 16 de junho
08.06.2017 CUT/Vox Populi: 80% dos brasileiros são contra as reformas e 90% acham que não vão conseguir sustentar suas famílias
07.06.2017 Dez agências da Caixa irão abrir no sábado para saque do FGTS
07.06.2017 Trabalhadores aprovam greve no comércio este mês, caso as negociações não avancem
07.06.2017 Cesta básica: Teresina acumula a 3ª maior alta do ano entre as capitais
07.06.2017 Por 14 a 11, comissão aprova relatório de reforma trabalhista
06.06.2017 Contra 'golpe mortal', Paim apresenta alternativa a projeto de reforma trabalhista
06.06.2017 Caixa antecipa para este sábado a 4ª fase de saque de contas inativas do FGTS
02.06.2017 Novo golpe envolvendo contas do FGTS atinge usuários
31.05.2017 Comerciários de Teresina fazem assembleia para analisar proposta patronal
31.05.2017 Sem avanços, sindicato convoca categoria para assembleia geral. Veja no vídeo
29.05.2017 Com crise política, governo já estuda alternativa à reforma da Previdência
SINDCOM - Sindicato dos Empregados no Comercio e Serviço de Teresina
Rua David Caldas, 536
sindicatocomerciariothe@hotmail.com - 86 3131-1300