(86) 3131-1300
Teresina, 24 de Outubro de 2017
 
Publicada Sexta-feira, 04/08/2017
INSS vai reconhecer aposentadoria por idade de forma automática

Depois do reconhecimento do direito, INSS enviará carta a segurado, que deverá requerer benefício por central de atendimento.

Os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) não precisarão mais comparecer a um posto de atendimento para pedir a aposentadoria por idade. Portaria publicada no “Diário Oficial da União” no dia 28 de julho determina que haverá o reconhecimento automático do direito, a partir da verificação das informações constantes nos sistemas corporativos do INSS e nas bases de dados do governo.

O INSS então enviará comunicado aos segurados sobre a concessão do benefício. O segurado poderá então requerer a concessão do benefício por meio do número 135. Para a realização do pedido será solicitada a confirmação dos dados pessoais, como ocorre no Sistema de Agendamento.

De acordo com a portaria, o benefício poderá ser confirmado no ato ou poderá ser solicitado contato posterior para confirmação.

A data da ligação para a Central 135 será considerada como a Data de Entrada do Requerimento.

Após processamento do reconhecimento do direito, o INSS enviará comunicado ao cidadão indicando as informações sobre os dados da concessão e pagamento do benefício.

Atualmente, o reconhecimento não é automático - o segurado precisa agendar o pedido pelo 135 e deve ir até uma agência da Previdência Social para dar entrada no requerimento.

Para a aposentadoria por idade o trabalhador deve ter o mínimo de 180 meses de trabalho, além da idade mínima de 65 anos (homem) ou 60 anos (mulher). Para segurados especiais como agricultores familiares, pescadores artesanais e indígenas, a idade mínima é reduzida em cinco anos.

Pente fino

Os aposentados por invalidez do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) serão alvos da próxima fase do Operação Pente-Fino, que está revisando os benefícios por incapacidade. O governo federal anunciou que, após a operação realizada para revisar o pagamento do auxílio-doença, o INSS revisará as aposentadorias por invalidez, já a partir deste mês.


Ao todo, serão convocados 1,5 milhão de pessoas que há mais de dois anos estão sem perícia. Dessas, 530 mil recebem o auxílio-doença e mais de 1 milhão são aposentados por invalidez com menos de 60 anos.

Até o momento, segundo o Ministério do Desenvolvimento Social, cerca de 200 mil benefícios de segurados que recebiam o auxílio-doença passaram por auditoria e 160 mil tiveram seus auxílios-doença cancelados.

O pente-fino nos benefícios por incapacidade do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já gerou uma economia de R$ 2,6 bilhões para os cofres públicos, segundo o Ministério do Desenvolvimento Social.

Fonte: Uol


 
Centro de Apoio a mulher comerciaria
CONTRACS
Contribuição Sindical
Contribuicao Social e Federativa
Convencoes
CUT BRASIL
CUT PIAUÍ
Portaria
Sindeconpi
TVT
 
lista
20.10.2017 Relatório da CPI da Previdência deve ser apresentado na segunda (23)
20.10.2017 Campanha Nacional pela Anulação da Reforma Trabalhista
17.10.2017 'Se houver mudança na lei, mulheres serão prejudicadas', diz Maria da Penha
13.10.2017 Campanha de Filiação vai sortear prêmios mensais aos seus filiados.
11.10.2017 Creche comemora dia das crianças com programação especial
09.10.2017 LANÇAMENTO DA CAMPANHA DE FILIAÇÃO DOS COMERCIÁRIOS SERÁ DIA 13 DE OUTUBRO
09.10.2017 Parte da frota dos ônibus de Teresina paralisa nesta terça-feira
06.10.2017 Trabalho noturno provoca caos no metabolismo e danos a longo prazo
05.10.2017 Justiça condena Walmart a pagar R$ 100 mil a gerente obrigado a rebolar na frente de clientes em SP
03.10.2017 Só 20% das piauienses fazem prevenção do câncer de mama
29.09.2017 Creche desenvolve projeto de segurança pessoal e coletiva no trânsito
28.09.2017 Setre/Sine oferecem 358 vagas de empregos no dia D da Inclusão Social
28.09.2017 Empregada que engravida durante aviso prévio tem direito a estabilidade, define TST
28.09.2017 Saúde mental: Trabalhar em um emprego ruim pode ser pior do ficar desempregado
27.09.2017 Taxa do rotativo do cartão de crédito cai para 221,4% ao ano em agosto
25.09.2017 Diferença salarial entre homens e mulheres acabará em 2047, diz estudo
25.09.2017 Riachuelo é acusada pelo MP por usar terceirização para precarizar trabalhadores
22.09.2017 Sintetro anuncia paralisações diárias no transporte coletivo
22.09.2017 Creche promove atividades em homenagem ao dia da Árvore
20.09.2017 Domingo é dia de futebol no clube dos comerciários; confira os resultados dos jogos
20.09.2017 "Reforma Trabalhista é descaradamente patronal", diz desembargador Meton
19.09.2017 Jovens são os mais afetados com o desemprego, aponta Ipea
SINDCOM - Sindicato dos Empregados no Comercio e Serviço de Teresina
Rua David Caldas, 536
sindicatocomerciariothe@hotmail.com - (86) 3131-1300