86 3131-1300
Teresina, 20 de Janeiro de 2017
 
Publicada Sexta-feira, 30/12/2016
Governo regulamenta salário mínimo de R$ 937 em 2017

Foi publicado no "Diário Oficial da União" desta sexta-feira (30) o decreto que atualiza o valor do salário mínimo dos atuais R$ 880 para R$ 937 (aumento equivalente a 6,47%) a partir de 1º janeiro de 2017.

O novo salário mínimo é R$ 57 maior do que o atual, mas ficou R$ 8,8 abaixo dos R$ 945,8 que haviam sido propostos em agosto pelo governo federal.
Segundo o decreto, o valor diário do salário mínimo corresponderá a R$ 31,23 e o valor horário, a R$ 4,26.


De acordo com o governo, o reajuste do mínimo para R$ 937 deve gerar um incremento de R$ 38,6 bilhões nos salários dos brasileiros em 2017, correspondente a 0,62% do PIB.

Na véspera, ao justificar por meio de nota o fato de o reajuste ter sido menor do que as previsões iniciais, o Ministério do Planejamento disse que apenas aplicou as regras previstas na legislação.

O comunicado ressalta que a estimativa para a inflação pelo INPC em 2016, usada no cálculo do reajuste, ficou em 6,74%. Ou seja, menor do que a previsão de 7,5% estimada em outubro, quando o projeto de Orçamento do ano que vem foi enviado ao Congresso.

No entanto, o índice de inflação é 0,27 ponto percentual maior do que o que vai ser aplicado ao salário mínimo de 2017.

Segundo o Ministério do Planejamento, a diferença a menos – que corresponderia a R$ 2,29 – se deu porque a legislação permite que, na hipótese de ocorrer diferenças entre as projeções dos índices utilizados para calcular o aumento e o que foi efetivamente anunciado, seja feita uma compensação no reajuste seguinte.

Fonte: Uol

 
Centro de Apoio a mulher comerciaria
CONTRACS
Contribuicao Sindical
Contribuicao Social e Federativa
Convencoes
CUT BRASIL
CUT PIAUÍ
MST
Portaria
Sindeconpi
 
lista
19.01.2017 Ministério do Trabalho cria calendário para pagamentos do seguro-desemprego
17.01.2017 O que está por trás da propaganda da Previdência
13.01.2017 Piso da categoria comerciária é reajustado por antecipação a partir de janeiro/2017
11.01.2017 Manter motocicleta sai mais barato que andar de ônibus
11.01.2017 SEMINÁRIO : A REFORMA DO FGTS COMO TRABALHADOR (A) PODE SACAR AS CONTAS INATIVAS?
10.01.2017 Carnaval é no litoral. Inscrições para Colônia de Férias estão abertas .
10.01.2017 Veja dicas para economizar no material escolar
09.01.2017 Prazo para entrega da Rais 2016 começa no dia 17 de janeiro
06.01.2017 Sindicato realiza bingo beneficente para ajudar vítima de assalto em Teresina
06.01.2017 Entenda na prática a reforma da Previdência
05.01.2017 Mulher trabalhadora sofrerá maior impacto com reajuste da passagem
03.01.2017 Conselho determina reajuste da tarifa de ônibus para R$ 3,30 tarifa começa sexta
02.01.2017 Artigo: Uma Reforma Trabalhista para modernizar a escravidão
30.12.2016 Governo regulamenta salário mínimo de R$ 937 em 2017
29.12.2016 Desemprego é de 11,9% e atinge 12,1 milhões de trabalhadores, diz IBGE Comente
28.12.2016 Valores do seguro DPVAT ficará 37% mais barato em 2017
27.12.2016 Passagem de ônibus em Teresina pode ser reajustada para R$ 3,30 em 2017
27.12.2016 Agências bancárias abrem até quinta-feira
27.12.2016 Artigo: A verdade sobre a PEC N° 03
26.12.2016 'Greve dos Ônibus':Prefeitura atrasa repasses e a categoria fará protesto
23.12.2016 Em campanha salarial, trabalhadores do setor de hotelaria e gastronomia fazem greve em Teresina
22.12.2016 Governo propõe reforma trabalhista; veja o que pode mudar nas regras atuais
SINDCOM - Sindicato dos Empregados no Comercio e Serviço de Teresina
Rua David Caldas, 536
sindicatocomerciariothe@hotmail.com - 86 3131-1300